Febre alta persistente

Quando a temperatura do corpo específica se eleva acima do nível normal, o resultado é a pessoa que sofre de febre. Febre baixa, que afeta indivíduos de diferentes faixas etárias, pode ser persistente na ausência de tratamento adequado ...

A temperatura saudável do corpo humano é a de cerca de 37 º C (ou 98,6 º F). Quando esta temperatura aumentar até um certo grau, é dito ser a febre. Cada um de nós tem sido afetado com a febre alta pelo menos uma vez em nossa vida. É um problema comun e a pessoa é dita a ser vítima de febre caso registrar a temperatura corporal de cerca de 100,4 º F . Tendo febre alta pode ser um sinal de que o corpo está lutando com agentes estranhos e patógenos para prevenir a ocorrência de infecções. Dependendo do fator particular em cada caso, a febre pode durar até alguns dias. No entanto, se a febre persistir por mais de uma semana, é melhor procurar uma consulta médica.

Causas da febre alta persistente 

Pode haver várias razões para febre alta persistente. Em circunstâncias normais, a temperatura do corpo não aumenta. Mas se a febre for acompanhada por outros problemas como dor nas costas, dores de cabeça, náuseas, vômitos, etc, então pode ser algo grave.

  • Bebês e crianças são geralmente mais vulneráveis à febre porque o seu sistema imunitário não é desenvolvido completamente. Mesmo uma ligeira infecção viral ou bacteriana, se não for tratada, pode causar febre em crianças e bebês.
  • Infecções virais como a catapora, a dengue, o sarampo, a gripe etc também podem causar febre em crianças, adolescentes e adultos. Algo que possa iniciar como uma febre ligeira pode evoluir numa febre alta, o que pode levar um tempo maior para a pessoa ficar curada. Mononucleose é outra infecção viral que pode afetar adultos e dar origem a febre alta.
  • Alergias a certas coisas, como por exemplo, a poeira, o pólen também podem ser causas de febre alta persistente. Intolerância à lactose, glúten, etc pode também ser uma das razões para a febre. Esta é a maneira em que o corpo reage aos corpos estranhos e tenta eliminá-los completamente.
  • Em adultos, especialmente em pessoas idosas, a febre pode ser causada devido à progressão da artrite reumatóide. Os outros sinais deste distúrbio da articulação são dor e inflamação nas articulações e tecidos circundantes, a incapacidade de se mover livremente e articulações prezas etc.
  • Quando o fígado ficar afectado por uma infecção viral ou bacteriana, pode acontecer com que a temperatura do corpo aumenta. Daí a febre pode ser um dos sinais de hepatite ou inflamação do fígado.
  • Miosite, que é uma doença auto-imune que afecta os músculos esqueléticos provocando inflamação. Esta doença é capaz de causar fraqueza progressiva e deterioração da função dos músculos.
  • Febre súbita e inexplicada que continua a ir e vir, pode ser um sinal de câncer. Febre acompanhada de sintomas como dor de cabeça, perda de peso, alterações na pele e fadiga inexplicável podem ser sinais de que o indivíduo está sofrendo de câncer.

Tratatamento da febre alta persistente

O objetivo principal de administrar tratamento para a febre alta é normalizar a temperatura corporal té a norma. Beber bastante água e outros líquidos é uma forma de baixar a temperatura do corpo e também se manter hidratado. Descanso também é um remédio eficaz para baixar a febre, bem como para fortalecer o sistema imunológico para este poder lutar contra os agentes patogénicos. Para o tratamento desta doença em adultos, aspirina ou paracetamol podem ser usados. Se você estiver sofrendo de febre por um tempo muito longo, então é melhor visitar um médico para um diagnóstico preciso e tratamento adequado.

Higiene e mudança de hábitos alimentares devem ser seguidas para prevenir a recorrência da doença. Consultar um profissional de saúde para tratar a febre alta persistente em crianças e adultos é sempre aconselhável.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>