Dor no quadril direito

Persistente dor no quadril direito é muitas vezes uma indicação de uma fratura ou até mesmo doenças auto-imunes como bursite. É discutida a seguir:

A articulação do quadril e do osso do quadril são os componentes principais da região do quadril do nosso corpo. A articulação do quadril é um ponto de contato entre o osso da coxa e do osso pélvico. Em outras palavras, a articulação da anca atribui as pernas para o corpo superior.

Observa-se que uma dor no quadril não permite  que a pessoa levante  objectos e, em alguns casos, dobrando pode ser uma possibilidade distante. Atividades como caminhada rápida ou mesmo excesso de tossir ou rir pode ficar para trás em pessoas com dor no quadril  dependendo da gravidade do desconforto. A dor no quadril direito que não permanece localizada e move-se para outras partes do corpo, como costas ou pernas, é certamente um assunto sério e exige tratamento médico urgente.

Causas

Dor na região do quadril direito pode ser um resultado de várias condições subjacentes. Dor ocasional na articulação do quadril direito é actualmente parte integrante do dia-a-dia de rotinas. É basicamente uma leve dor no quadril que desaparece sem tratamento. No entanto, a dor persistente no quadril direito que agrava à noite não pode ser negligenciada. Alguns dos mais comuns causas de dor direita da anca são dadas abaixo:

Lesão: Uma lesão na região do quadril direito na forma de trauma ou acidente pode danificar o osso do quadril e pode mesmo levar à fratura. A fratura do quadril pode causar a dor excruciante que podem viajar até as pernas. Um raio-X é geralmente utilizado para diagnosticar fraturas de quadril. Lesão grave pode desencadear dor aguda no quadril, mesmo enquanto respirar profundamente. As fraturas de quadril podem  dificultar a mobilidade em geral e na maioria dos casos e a cirurgia é necessária para resolver o problema.

Densidade óssea menor: A perda de cálcio dos ossos, comum em mulheres acima de 65 anos, também pode causar dor no quadril direito. A massa óssea diminui à medida que o teor de cálcio do osso mostra uma perda significativa que ocorre com a idade. Níveis baixos de cálcio nos ossos podem fazer um indivíduo com predisposição para doenças como a osteoporose  em que a força do osso diminui consideravelmente. Os ossos enfraquecidos tornam-se tão quebradiços que quando sujeitos  a pressão, enquanto a tosse, que pode causar dor intensa nas articulações. Em outras palavras, as pessoas com osteoporose são suscetíveis a fraturas. As áreas do corpo que são comumente afetadas com a osteoporose são o punho, quadril e a costela.

Osteoartrose: Quando esta desordem afeta a região do quadril, que normalmente é marcada pela perda gradual da articulação do quadril  devido à destruição progressiva da cartilagem. A cartilagem é um tecido duro, elástico que é encontrado no final dos ossos. Na osteoartrite, a cartilagem se desgasta lentamente causando atrito entre os ossos  o que é doloroso, bem como causa danos para a articulação. Como a cartilagem se deteriora, as articulações ficam inchadas e aparece a dor  que piora durante o movimento. Estudos mostram que pessoas com mais de 50 estão em risco acrescido de contrair a osteoartrite do joelho e dos quadris.

Osteonecrose: Nesta condição, a circulação de sangue normal para o tecido ósseo cessa eventualmente causando  a morte do osso. A maioria dos casos de osteonecrose afecta o osso da coxa que está ligado à articulação da anca. Inicialmente, os sintomas não aparecem, mas como a região do quadril continua a receber suprimento de sangue insuficiente, a saúde óssea se deteriora substancialmente levando a dor nas articulações que agrava ao longo do tempo. Sem tratamento, os colapsos do osso e da articulação associada também são  destruídos. Em caso de osteonecrose do quadril, os pacientes muitas vezes se queixam de dor na virilha que pode ocorrer mesmo ao fazer as atividades papelarias  ou  tomando  repouso completo.

Tendinite: Tendinite que atinge a região do quadril refere-se ao inchaço dos tendões ao redor do osso do quadril. Como todos sabemos, o tendão é uma faixa de tecido que une os músculos aos ossos. Demasiado uso do quadril, que é freqüentemente observado em atividades como corrida, ciclismo e jogos de esportes como futebol e hóquei, é uma das causas mais comuns da tendinite. Em todas essas atividades, os tendões e os músculos ao redor da região do quadril movem  repetidamente. Este movimento freqüente de longos períodos de tempo coloca muita pressão sobre os tendões, eventualmente causando tendinite quadril. Quadril inchado e desconforto na região do quadril durante a movimentação e até mesmo dormir à noite são alguns dos sintomas mais comuns associados com tendinite do quadril.

Bursite: Bursite é nada, mas uma inflamação da bursa. Existem mais de 150 bursas localizadas em diferentes partes do corpo, incluindo os ombros, ancas e os cotovelos. Bursas são sacos cheios de fluido, basicamente, que fornecem um suporte de amortecimento entre os ossos e os tendões. No entanto, os tendões podem  raspar com frequência  devido ao movimento repetitivo envolvendo o braço e da anca. Isso fará com que o bursa  doe  causando inflamação, seja na esquerda ou no quadril direito. A dor devido a bursite ocorre geralmente durante o movimento normal do corpo, mas não pode ser experimentada, tendo descanso. Em alguns casos, dor aguda é comumente acompanhada de rigidez na articulação do quadril.

Lúpus: A inflamação crónica das articulações da anca pode também ser um resultado de lúpus,- uma doença na qual as células de infecção de combate do sistema imune invadem os tecidos saudáveis ​​das articulações. Episódios de dor e inchaço nas articulações vêm e vão. Quando o lúpus afeta a região do quadril, pode causar dor no quadril direito. Edema articular persistente associada com a fadiga, feridas na boca e dor intensa é um indício de piora dos sintomas do lúpus.

Tomando o descanso adequado e movimento mínimo da região do quadril é muito importante para diminuir a dor. Aplicação de compressas de gelo e uso de terapia de compressão também é recomendado  para reduzir a inflamação. Após a dor regride substancialmente, o médico pode aconselhá-lo a fazer alguns exercícios de alongamento que ajudam a fortalecer os tecidos em torno dos quadris.

No caso de a dor está piorando ao longo do tempo, um raio-X da região do quadril é frequentemente recomendado para olhar para a artrite e bursite. No geral, o diagnóstico é a chave para melhorar e para se livrar da dor no quadril. Não esteróides anti-inflamatórios tais como ibuprofeno são administrados por via oral para o paciente para aliviar a dor. Para pacientes que sofrem de osteoporose, como medicamentos bisfosfonatos (Fosamax) são úteis para retardar a progressão da perda de densidade óssea.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>