Bile vômito pode significar uma obstrução intestinal ou gastroenterite. Considera-se também ser um sintoma de intoxicação alimentar, intolerância ao álcool e alergia a certos produtos alimentares. Vamos saber o que causa esta condição e como é tratada a partir do artigo seguinte.
2

Bile em vômitos

Bile é um suco digestivo produzido pelo fígado. Mistura-se com a comida para garantir a digestão. Então, em caso de ter vômitos, como uma pessoa pode saber se há bile nestes? Presença de bile muda drasticamente a cor de vômitos. Os vômitos são geralmente  de cor clara marrom, mas devido à presença de bile, a cor de vômitos pode ser amarela-esverdeada. Episódios de bíle em vómitos são normalmente acompanhados por dor de estômago persistente. Tenha em mente que a bile, expulsa durante o vômito, torna-o verde, caso contrário, a cor do vómito não muda.

Causas e tratamento

A obstrução intestinal: Quando uma pessoa estiver vomitando a bile, será o sinal que o intestino é bloqueado. Existe certo tipo de obstrução intestinal que não permite a passagem da comida. Assim, os alimentos consumidos em vez de se mover a partir do estômago para o intestino, deslocam-se na direcção contrária e, finalmente, são expulsos através de vômitos junto com a bile. A obstrução pode ser o resultado da torção do intestino. Em outras palavras, a estrutura do intestino é distorcida e tem algumas curvas. Este problema  do intestino também pode ser um defeito de nascimento. Como resultado, os bebês e as crianças podem freqüentemente vomitar a bile devido à deformação estrutural do intestino.

A obstrução intestinal é geralmente marcada por fortes dores abdominais. Ao contrário, em outras doenças do intestino, por exemplo, em caso de doenças inflamatórias a dor é tolerável. Em caso de dor abdominal devido à obstrução intestinal, esta é acompanhada por crises freqüentes de vômitos verdes. Alem disto a pessoa se sente obstipada, já que não há nenhum movimento intestinal.

Tratamento: Obstrução intestinal é uma emergência médica grave e exige o tratamento específico do paciente, para evitar quaisquer complicações. Na maioria dos casos, a cirurgia é realizada para desbloquear o intestino e corrigir a anormalidade estrutural. O médico pode cortar uma parte do intestino, de modo a remover a deformidade estrutural, o que irá ajudar a parar com os episódios de vómitos biliares.

Cirurgia da vesícula biliar: Uma pessoa que tinha recentemente passado por uma cirurgia que envolve a remoção da vesícula biliar, pode acabar por vomitar a bile. Há relatos de vómitos de cor verde em doentes cuja vesícula biliar foi removida. Para ser honesto, os vômitos biliares é um dos efeitos secundários da cirurgia da remoção da vesícula biliar e podem durar 4-5 meses pós-operatórios.

Tratamento: Se os vómitos persistirem e forem acompanhados pela perda de apetite, poderá ser que a cirurgia não foi executada correctamente e, portanto, ocorrerem certas complicações. Isso pode ser um sinal de infecção, inflamação do pâncreas ou presença de cálculos biliares no ducto biliar.

Intolerância ao álcool: Costuma vomitar a bile depois de beber? Bem, isso pode ser porque o seu corpo é incapaz de tolerar o consumo exagerado de álcool. Observa-se que os bebedores pesados ​​são predispostos a este tipo de vómitos. Isto indica a incapacidade do organismo de absorver o álcool consumido em excesso e, portanto, a matéria tóxica é jogada para fora do corpo, juntamente com a bile.

Tratamento: Intolerância ao álcool pode persistir por toda a vida, o melhor tratamento envolve ficar longe de bebidas que contenham álcool. A fim de aliviar os sintomas de intolerância ao álcool, experimente tomar os anti-histamínicos de venda livre em dose adequada é recomendada.

Gastroenterite: Além disso, o que pode causar os vômitos biliares é uma infecção rotaviral referida como gripe de estômago, que ocorre devido ao consumo de água e de alimentos contaminados. Uma pessoa diagnosticada com gastroenterite também sofre de desidratação, diarréia e reclama de dores abdominais. Fezes no sangue é uma indicação de uma infecção bacteriana. No entanto, na maioria dos casos, é a gastroenterite viral que provoca a diarreia sanguinolenta. Na gastroenterite, o corpo é incapaz de digerir os alimentos sólidos durante os primeiros 2-3 dias da fase aguda. Assim, o paciente tende a vomitar a bile depois de tomar uma refeição normal.

Tratamento: Como os pacientes que sofrem de gastroenterite costumam a vomitar frequentemente, o risco de desidratação aumenta dramaticamente. Para evitar isso, aumente o consumo de água (mas não de bebidas carbonatadas) para compensar a perda de líquido pelo corpo. Se for em caso de crianças, estas recebem soluções electrolíticas para reconstituir a perda de fluido. Para os adultos, os antibióticos são prescritos caso a gastroenterite for causada por bactérias. Uso de anti-eméticos, como a prometazina (Anergan) também pode ajudar a parar os vômitos.

Envenenamento: Os alimentos preparados em condições não-adequadas ma maioria dos casos ficam contaminados por vários micróbios nocivos, tais como bactérias e vírus. Consumo dos alimentos preparados em condições de falta de higiene pode causar uma série de problemas de saúde, incluindo diarreia, dor abdominal e febre. As pessoas afectadas com a intoxicação alimentar não só vomitam os alimentos contaminados, mas também a bile amarelada.

Tratamento: Quando for a questão do tratamento de pacientes com a intoxicação alimentar, o consumo de soluções de electrólitos que são boas fontes de sódio, potássio e cálcio é muito importante. Esta terapia de reidratação pode ser administrada via oral ou intravenosa e de certeza ajudará a corrigir o desequilíbrio eletrolítico. Embora possa ocorrer a diarréia associada com a intoxicação alimentar, os medicamentos antidiarréicos não são recomendados, pois são capazes de agravar a situação. Inicialmente, você será proibido de comer e beber por algumas horas. Abstinência do consumo de alimentosdeve ser  seguida por uma dieta branda. Ao longo do tempo, os alimentos facilmente digeríveis devem ser excluidos da sua dieta.

Alergias alimentares: Consumo de determinados alimentos alérgenos é capaz de causar uma resposta inesperada por parte do sistema imunitário, obrigando-o a vomitar os alérgenos consumidos. Esta situação pode ser acompanhada por dores de estômago, corrimento nasal e problemas respiratórios.

Tratamento: Você deve evitar consumir os alimentos alergênicos que são prejudiciais para a sua saúde. Uma pequena reação alérgica pode desaparecer por conta própria, mas em caso de uma reacção alérgica grave que é marcada pela dificuldade em respirar ou pelo inchaço facial, será necessário ir para o hospital, onde o paciente receberá injecções de epinefrina para acalmar os sintomas.

Disclaimer: A informação fornecida neste artigo é apenas para educar o leitor. Ela não se destina a ser um substituto para o aconselhamento de um médico especialista.

2

2 thoughts on “Bile em vômitos

  1. Lucilene do Nascimento on

    Minha mãe está vomitando demais esverdeado e não para através da sonda. Peço ajuda qual é o melhor procedimento que devemos seguir. Ela tá internada e com câncer. Devemos fazer cirurgia ou não.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *